agosto 2021 IATA pede que OMS crie certificado digital de vacinação mundial

Aproveitando o sucesso dos certificados digitais de vacinação DCC, da União Europeia (UE), e NHS, do Reino Unido, que, acabam de ser reconhecidos pela plataforma IATA Travel Pass, a entidade está pedindo urgência à Organização Mundial de Saúde para que crie um padrão global digital de certificação de vacinação.

“A ausência de um padrão global torna muito mais difícil para as companhias aéreas, autoridades de imigração e governos reconhecerem e verificarem o certificado de vacinação digital de um viajante. A indústria está trabalhando em torno disso desenvolvendo soluções que podem reconhecer e verificar certificados de cada país. Mas esse é um processo lento que está dificultando o reinício das viagens internacionais”, afirma Nick Careen, vice-presidente sênior de Safety e Segurança de Operações da IATA.

Com o reconhecimento dos certificados DCC e NHH, cidadãos europeus e britânicos podem acessar suas informações, gerar seu passaporte eletrônico e seu certificado internacional de vacinação na IATA Travel Pass. As informações podem ser compartilhadas com companhias aéreas e autoridades de controle de fronteiras, o que garante a veracidade do certificado e que ele pertence à pessoa que o apresenta.

Segundo a IATA, a adoção rápida de um padrão por todos os países pode ajudar a reanimar o setor de viagens internacionais e “reconectar o mundo”.

Associados Dados do setor Contato

SHS Quadra 06, Complexo Brasil 21
Torre A, Sala 207 Asa Sul, Brasília
CEP: 70.316-102
Telefone: (61) 3039-9561

Sigam-nos!
© 2019 ANEAA - Todos os direitos reservados