Acompanhe as Obras

Os terminais aeroportuários concedidos estão sendo aprimorados para atender com excelência seus usuários. Selecione o aeroporto e acompanhe as obras de reforma e melhorias que cada um deles está preparando.

AEROPORTO DE NATAL ENCERRA 2015 COM MOVIMENTAÇÃO DE MAIS DE 2,5 MILHÕES DE PASSAGEIROS

 

O Aeroporto de Natal movimentou em 2015 mais de 2,5 milhões de passageiros entre embarques, desembarques e conexões. O Terminal, inaugurado em junho de 2014, fechou 2015 com um crescimento de 2,7% comparado ao ano anterior. No período foram registrados 22.727 mil pousos e decolagens, 97,3% domésticos e 2,7% internacionais. A maioria dos voos teve como destino a região Sudeste do país.

 

Para conhecer mais sobre o aeroporto, clique no botão “Veja o relatório completo”.

Veja o relatório completo

  • O Aeroporto de São Gonçalo do Amarante (Natal) foi totalmente edificado a partir da assinatura da concessão. É o único sítio aeroportuário brasileiro 100% novo e 100% privado.
    O Aeroporto de São Gonçalo do Amarante (Natal) foi totalmente edificado a partir da assinatura da concessão. É o único sítio aeroportuário brasileiro 100% novo e 100% privado.
  • O aeroporto possui 6 pontes de embarque (fingers), com capacidade para operar 8 aeronaves simultaneamente.
    O aeroporto possui 6 pontes de embarque (fingers), com capacidade para operar 8 aeronaves simultaneamente.
  • No piso do embarque, são 42 balcões de check in compartilhados e 6 totens de autoatendimento também compartilhados entre as companhias aéreas.
    No piso do embarque, são 42 balcões de check in compartilhados e 6 totens de autoatendimento também compartilhados entre as companhias aéreas.
  • Pista de 3000 metros x 60 metros, preparada para receber aeronaves categoria F, como o A 380.
    Pista de 3000 metros x 60 metros, preparada para receber aeronaves categoria F, como o A 380.
  • O Aeroporto de Natal conta com mais de 210 mil m² de área de pátio e 10 posições de embarque remoto.
    O Aeroporto de Natal conta com mais de 210 mil m² de área de pátio e 10 posições de embarque remoto.
  • Um ano e meio de obras que custaram mais de R$550 milhões.
    Um ano e meio de obras que custaram mais de R$550 milhões.
  • Durante os obras, foram gerados 4.000 empregos diretos e cerca de 3.000 indiretos.
    Durante os obras, foram gerados 4.000 empregos diretos e cerca de 3.000 indiretos.
  • O terminal de desembarque possui 6 esteiras de restituição de bagagens destinadas ao tráfego doméstico e internacional.
    O terminal de desembarque possui 6 esteiras de restituição de bagagens destinadas ao tráfego doméstico e internacional.
  • A torre de controle é equipada com a mais recente tecnologia disponível para auxílio e proteção de voos.
    A torre de controle é equipada com a mais recente tecnologia disponível para auxílio e proteção de voos.
  • Entregue ao público sete meses antes do prazo previsto para a conclusão das obras, o novo aeroporto nasceu com capacidade para mais de 6 milhões de passageiros.
    Entregue ao público sete meses antes do prazo previsto para a conclusão das obras, o novo aeroporto nasceu com capacidade para mais de 6 milhões de passageiros.
  • Na 2ª fase a capacidade será ampliada para 11 milhões de passageiros por ano, demanda esperada para o ano de 2038.
    Na 2ª fase a capacidade será ampliada para 11 milhões de passageiros por ano, demanda esperada para o ano de 2038.
  • O estacionamento, administrado pela Estapar, conta com 860 vagas de estacionamento e tem capacidade de ampliação para 1.500 vagas.
    O estacionamento, administrado pela Estapar, conta com 860 vagas de estacionamento e tem capacidade de ampliação para 1.500 vagas.
  • O Aeroporto de Natal movimentou em 2015 mais de 2,5 milhões de passageiros entre embarques, desembarques e conexões.
    O Aeroporto de Natal movimentou em 2015 mais de 2,5 milhões de passageiros entre embarques, desembarques e conexões.
  • A expectativa para os próximos anos é de crescimento, tanto com voos regulares, quanto para voos extras.
    A expectativa para os próximos anos é de crescimento, tanto com voos regulares, quanto para voos extras.
  • A meta da concessionária é transformar o aeroporto de Natal em um dos principais aeroportos sul-americanos e o hub do Nordeste brasileiro.
    A meta da concessionária é transformar o aeroporto de Natal em um dos principais aeroportos sul-americanos e o hub do Nordeste brasileiro.